segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

AVANÇAR NA UNIDADE PARA AVANÇAR NA LUTA!


Nossa delegação esteve semana passada entre os dias 28 e 30/11 participando do XXI Congresso Estadual dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará cujo tema foi POR UMA EDUCAÇÃO LIBERTÁRIA: A escola pública na ótica de classe. 
O evento teve duração de três dias, várias forças políticas estiveram presentes apresentando suas teses, dentre elas a UNIDOS PRA LUTAR que apresentou a tese AVANÇAR NA UNIDADE PARA AVANÇAR NA LUTA! 
Um dos pontos mais polêmicos discutidos no congresso foi a reabertura da subsede de Belém, desativada desde 2000. Os companheiros daquela municipalidade lutam para ter o direito de reabrir sua subsede, mas isso é impedido a unhas e dentes pela executiva estadual. Formada por um grupo político que se mantem no poder há décadas e não abre mão de manter o controle da arrecadação dos companheiros de Belém, mesmo que para isso tenha que soltar verdadeiros pit buls para tentar intimidar a gritos os companheiros. 
Infelizmente a estratégia desse grupo majoritário no poder, de bancar a ida de delegados sob seus cabrestos, deu certo. Apesar de a maioria dos delegados terem aprovado a reabertura da subsede,  cerca de 55%, seria preciso a maioria absoluta, dois terços dos delegados para que houvesse a mudança no estatuto.
Esse grupo de ditadores da coordenação estadual lançou nota impressa durante o congresso na qual alegava que "a experiência [...] de uma subsede em Belém, aos moldes dos demais municípios" gerou uma duplicidade na base. Segundo eles, os servidores daquele município ficavam confusos sobre quem os representava se a subsede municipal ou a estadual, também instalada na capital. Ora, que argumento mais frouxo esse! Acaso em toda capital de estado não funciona a sede do governo estadual e a prefeitura municipal? Essa não cola, arranjem outro argumento. Não foi dessa vez, mais em 2015 haverá eleições para escolhermos a nova coordenação estadual, para esse caso a maioria simples vale. 




Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

O blogger não publicará postagens anônimas de cunho ofensivo a pessoas físicas. E também não adianta querer detonar o SINTEPP.