domingo, 1 de junho de 2014

COPA DO MUNDO TORCER OU PROTESTAR?


A partir do próximo dia 12, às 17 horas, o brasileiro estará vivendo um de seus maiores conflitos da história. Ainda com as vivas lembranças dos gritos de junho de 2013: "VEM,VEM PRA RUA VEM!" e o desejo de ver um país mais justo misturar-se-á com a indignação de ver milhões gastos em uma Copa do Mundo, sem que nenhum centavo seja revertido em benefícios para o povo. 
Queremos torcer para nossa seleção, por que não? Queremos ver nosso time ganhar em casa, fazendo bonito. Qual brasileiro resiste ao apito do juiz dando início a uma partida de futebol? Que brasileiro não vibra ao ouvir o hino nacional sendo cantado por um estádio lotado? Qual brasileiro não se sente emocionado em ver as ruas enfeitadas com bandeirolas verde e amarelo? 
Esses questionamentos tem, no entanto, outras versões, a saber: Queremos transformar a nossa nação, por que sim? Queremos ver nossos políticos limpando a casa, trabalhando honestamente.Qual brasileiro não se sente indignado em ver tanta corrupção? Qual brasileiro não se revolta ao ver em todo território nacional o povo tendo seus direitos negados? Qual brasileiro não se sente emocionado ao ver os jovens nas ruas com os rostos pintados de verde amarelo protestando? 
O governo esconde os verdadeiros números dos gastos com a Copa do Mundo 2014, falando de algo em torno de 25,8 bilhões, o que equivaleria há um mês de gasto com a educação, que gira em torno de 280 bilhões ao ano. Todavia esse número pode ser bem maior. Segundo o ex-jogador Romário, em entrevista dada ao site R7, esse valor será no mínimo 100 bilhões. Para se ter uma noção do que isso representa, a cidade de Marabá, PA,  com seus quase 400 mil habitantes, receberá em 2014 como repasse do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica - FUNDEB, apenas 136 milhões de reais. Todo o orçamento da cidade previsto para esse ano fica em torno de 850 milhões. Isso significa que se o governo federal estiver sendo verdadeiro em seus números, o valor gasto com a copa do mundo daria para manter o município de Marabá com todas as despesas e projetos durante duas décadas e meia. Se Romário estiver certo, então seria grana suficiente para sustentar Marabá durante um século. 
Para aumentar a indignação, a presidenta assinou o decreto 8228 que reedita o "Bolsa Copa", o benefício é para oficiais militares e policiais que vão atuar na segurança, mas se estende também para secretários-executivos dos ministérios e equipe escolhida por eles. Verdadeira farra com o dinheiro público. 
Sabemos reconhecer a importância de um evento esportivo dessa grandiosidade. Os efeitos positivos, as experiências trazidas para as pessoas que irão participar, ver de perto a seleção jogando, é de valor inigualável. Todavia, sabemos que somente os abastados terão acesso aos jogos, cujos ingressos estão cotados a preços que variam de 60 reais, para lugar de 4ª categoria, nos primeiros jogos, a 1.980
reais, na final. Esse é o valor oficial, divulgados pelo site copadomundo.uol.com.br. Nos sites que estão vendendo esses ingressos  o valor mínimo chega a 423 reais e vão até 14. 496 reais, em valores de hoje. 
 Aquilo que era para ser uma grande festa, poderá se transformar em uma grande revolta, bom será que seja uma revolução no verdadeiro sentido da palavra. O governo tem se preparado para tentar segurar a massa revoltada que promete fazer barulho. Espero mesmo, com toda sinceridade, que os gritos dos revolucionários nas ruas não sejam abafados pelos gritos dos torcedores. O povo brasileiro está com um nó na garganta que precisa ser desfeito. Quem sabe ouviremos novamente o sonoro "VEM, VEM PRA RUA VEM!

Reações:

5 comentários:

  1. Rapaz, não é que a tecla "h" estava com problemas,kkkkk já corrigi esse problema.

    ResponderExcluir
  2. É incrivel como tem pessoas que só reparam a metade vazia do copo, um texto maravilhoso desse e o cara só enchergou que vc tinha trocado o h pelo a.

    ResponderExcluir
  3. É incrivel como tem pessoas que só reparam a metade vazia do copo, um texto maravilhoso desse e o cara só enchergou que vc tinha trocado o h pelo a.

    ResponderExcluir
  4. Eh, companheira, professor de português e médico não podem errar.

    ResponderExcluir

O blogger não publicará postagens anônimas de cunho ofensivo a pessoas físicas. E também não adianta querer detonar o SINTEPP.