quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

REDE PÚBLICA MUNICIPAL DE MARABÁ EM GREVE

João Salame e a Gestão Desastrosa do PT Estão Destruindo a Educação Marabaense 

MAIS DE 500 PESSOAS ESTIVERAM
PRESENTES NA ASSEMBLEIA
Mais de quinhentos trabalhadores da educação assinaram a ata da assembleia de quarta-feira, dia 22, aprovando a greve municipal. Isso prova que os trabalhadores não suportam mais a falta de rumo que tem tomado conta da educação em nosso município e estão Unidos Pra Lutar contra os desmandos desse governo que pretende retirar nossos direitos.
 O sentimento que assola a todos é de traição, fomos mais uma vez traídos por aqueles que ajudamos eleger. Defendemos um projeto político de não atacar os trabalhadores nem retirar direitos. Esse projeto está sendo rasgado por aqueles que o propuseram. Isso a categoria não aceita.
Reivindicamos a seguinte pauta:
1.       Revogação de toda a Portaria de Lotação de 2014;
2.       Garantia da Hora atividade, conforme a Lei do PISO;
3.       Pagamento imediato de todas as progressões;
4.       Garantia de nenhuma mudança no PCCRPE da Educação que signifique retrocesso nos direitos dos trabalhadores;
5.       Garantia de aprovação do Projeto de Lei nº 037, de 11 de janeiro de 2013, que concede a gratificação dos Coordenadores e Orientadores Pedagógicos, bem como do “destravamento” da gratificação da Zona Rural, que impede os trabalhadores de acumularem as gratificações de deslocamento e de Regência;
6.       Reajuste do Vale – Alimentação para R$ 300,00 incluindo a parcela do parcelamento, ou seja, R$ 242,00 + R$ 48,00, com a devida incorporação da parcela de R$ 48,00 ao final do parcelamento;
7.       Garantia da Lotação de pelo menos 02 (dois) agentes de portaria no turno da noite, de forma a garantir a Segurança do patrimônio e dos próprios servidores;
8.       Garantia da Lotação de 01 servente a cada 04 dependências da escola;
9.       Por fim, exigimos, o cumprimento integral da carta compromisso assinada pelo Prefeito em relação às promessas eleitorais;

10.   Garantia de professor auxiliar nas turmas de educação infantil e nas turmas de 1º ao 5º ano.



CONFIRA O CALENDÁRIO DA GREVE PARA A PRÓXIMA SEMANA

· Segunda-feira, 27/01 – Mobilização nas escolas: levaremos material impresso para ser distribuído a toda comunidade.

· Terça-feira, 28/01 - Reunião do Conselho de Representantes de Escola do SINTEPP;

· Quarta-feira, 29/01 – Audiência Pública

Horário: das 14:30 às 18:30

Local: Auditório da Metropolitana. Em frente ao Shopping Pátio Marabá.

· Quinta-feira, 30/01 – Ocupação da SEMED – a partir das 8:30 da manhã;

· Sexta-feira, 31/01 – Panfletagem em frente à prefeitura.

A categoria está cansada da confusão geral que tem tomado conta das políticas do governo relativas à educação. Nenhum avanço é feito, só se fala em cortes e arrocho para cima dos trabalhadores.
Dessa forma, a coordenação do SINTEPP conta com o apoio e compreensão de toda a comunidade, pois a nossa luta é por uma educação pública e de qualidade. 
Conclamamos a todos os diretores eleitos a nos ajudar na mobilização da categoria e conscientização da comunidade nessa luta que engloba todos os trabalhadores em educação. 

Reações:

12 comentários:

  1. Será que nossa rescisão sai fim de janeiro???

    ResponderExcluir
  2. É isso ai companheiro, chega de opressão!
    Basta João do Não!
    Se a gente não gritar agora ele vai quebrar a educação.
    Basta João do Não!
    Basta João do Não!
    Basta João do Não!...

    Wilsomar Santos

    ResponderExcluir
  3. até quem fim agora q o prefeito rachou c o sindicato vamos ver no q vai dar! mas como já conheço essa história o martelo do prefeito e de seu capacho Pedro Sousa vai prevalecer. que pena.
    Prof André

    ResponderExcluir
  4. ate q enfim acordamos para faser o primeiro movimento justo p0is o governo salame nao esta levando a coisa seria aurisma o governo de arrrocho mas na verdade elenao esta preocupad com iss poq colocar agents de vila superviso de gari na zona rural vada um ganhando abisurd ele esta preocupado e em si reeleger poq vcs nao entrm com uma auditoria de contas vao q o snhor marquinhos e sua esposa da vila sao pedro estao ganhando um abisurdo

    ResponderExcluir
  5. Ola aurismar gostatia de saber quanxo sai as recisoes contratuais. Abraco adoro seu blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também qro saber qndo sai a rescisão e ouvi falar q sai no pagamento do fim do mês de janeiro...

      Excluir


  6. Boa noite Prof. Aurismar.
    Todos os dias sinto que a tendência é piorar....Eu estou desanimada, angustiada
    desesperada e....cansada. Não vá esperar apoio de diretores pois sinto, percebo que nada mudou. É triste mais é real. Estou passando por uma situação alias estou no momento difícil e complicado da minha vida. Pois bem: Tenho um laudo médico esta assinado pelo IPASEMAR pois minha situação requer cuidados ( São seis meses de afastamento da minha função). Jà escrevi algumas vezes no seu blog e pra lembrar. Eu sou concursada, como Ag. de Serv. Gerais há mais de dez anos e nesse governo tudo esta complicado. Poís é né: como disse acima to precisando me afastar e por essa situação a diretora quer me despachar,se livrar de mim pensando somente no seu próprio bem estar. Como minha situação é delicada não posso sair de porta em porta pra saber quem vai me aceitar. Na minha opinião ela deveria ir a SEMED, explicar a situação afinal de contas ela foi eleita por nos. Mas não ela ta fazendo o jogo da SEMED aceitando apenas uma Ag. Ser. Gerais pelo porte da escola. E nos comentários anteriores já relatei a você a situação da escola.

    ResponderExcluir
  7. boa noite.
    prazer meu nome é elaine.
    moro no Piauí,Parnaíba. sei que esse comentário vai para algum responsável. E o meu proposito não é deixar algum recado sobre a postagem. tenho algo de muita importância pra fazer, mas antes preciso da ajuda de alguém que more em marabá. peco que me add no face. ou me chama no whatsapp. por favor ,considera isso. de já agradeço.
    86 95168648
    elaine santtoos

    ResponderExcluir
  8. Aurismar, onde será a reuniao dos representantes de escolas?

    ResponderExcluir
  9. A reunião acontecerá no auditório do José Mendonça Vergulino, das 9 às 12 horas.

    ResponderExcluir
  10. As rescisões contratuais serão pagas na folha de janeiro. Vamos torcer pra eles não mudar de ideia, pois do jeito que as coisas andam, tudo é possível. rsrs

    ResponderExcluir
  11. Infelizmente estamos sabendo que as Escolas de 1º ao 5º ano não estão CONOSCO nesta LUTA que é para nós, é lamentável pois consideramos que todos nós estamos sendo penalizados, desrespeitados, espero que possam estar cientes da falta de COMPROMISSO e RESPEITO COM OS demais colegas da classe...O mais triste é saber da conquista que foi a ELEIÇÃO DIRETA NAS ESCOLAS e cadê? Alguns DIRETORES ainda SE CORROMPEM, NÃO PARTICIPAM.

    ResponderExcluir

O blogger não publicará postagens anônimas de cunho ofensivo a pessoas físicas. E também não adianta querer detonar o SINTEPP.