terça-feira, 3 de dezembro de 2013

CATEGORIA INVADE CMM EM PROTESTO



CATEGORIA SE UNE PARA LUTAR

Em mais um movimento de manifesto que aconteceu hoje na Câmara Municipal de Marabá, promovido pelo SINTEPP, a categoria dos trabalhadores em educação da Rede Pública de Marabá mostrou ao governo que está unida na defesa de seus direitos adquiridos.




No golpe que tentou dar na educação através do PL 490-GP, DE 29/10/13, quem levou porrada foi o governo. Instantes antes da plenária ser ocupada pelos trabalhadores, o líder do governo soltava sorriso amarelo afirmando a um e a outro que não apareceriam meia dúzias de servidores porque, segundo ele, a categoria estava bem informada.
Isso é verdade vereador, a categoria está sim bem informada das más intenções do governo. Fazemos questão de manter nossa base sempre bem informada. Tanto é verdade que o líder do governo e a vereadora Toinha do PT, defensores do PL 490, receberam vaias da plateia. O restante dos vereadores tiveram que fazer um discurso polido e cuidadoso para não receber o mesmo tratamento. O vereador Ubirajara, presidente da Comissão de Educação da Câmara, convocou uma reunião para as 15 horas de hoje.
Os vereadores que estiveram presentes na sessão se comprometeram a não votar qualquer projeto de lei sem antes fazer uma ampla discussão com o SINTEPP. A categoria resolveu suspender o ato na Câmara para amanhã, dia 04/12 e aguardar para próxima semana, quando o prefeito e sua equipe deverão participar.
A coordenação do SINTEPP agradece a todos os companheiros que paralisaram suas atividades e resolveram lutar e mostrar ao governo que os trabalhadores em educação merecem ser respeitados. 













































Reações:

7 comentários:

  1. Parabéns ao nosso Sindicato. Unidos seremos fortes. Um abraço!!!!

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelas ações do Sindicato em defesa da categoria, está fazendo um ótimo trabalho. Fico triste por alguns companheiros ainda não irem para a luta, pois temos que estar muito unidos e fortes para combater as decisões tomadas pelo governo, que mostram um retrocesso para os trabalhadores. Essas conquistas foram adquiridas com muito trabalho, queremos uma educação melhor e com toda certeza um reconhecimento digno para aqueles que formam cidadãos neste município.

    ResponderExcluir
  3. pelo que li a paralisação de quarta foi cancelada?

    ResponderExcluir
  4. A paralisação foi mantida nos dois dias, com garantia no dia 04 de encaminhar os processos burocráticos da eleição para diretor nas escolas. Abraços

    ResponderExcluir
  5. Parabéns a todos os companheiros que se fizeram presente na Câmara dos Vereadores ontem dia 03/12/2013. As duas últimas assembleias a categoria definiu 2 dias de Paralisação em Marabá, como forma de garantir nossos direitos no Plano de Carreira aprovado pela câmara em 2011. Ontem, também foi definido manter a paralisação no dia de hoje,mas sem retorno para a câmara e sem dar aula no dia 04, como forma da garantir o Processo de Eleição direta para Diretor nas Escolas. Conseguimos sair da câmara, com a garantia da maioria dos vereadores em não votar o indecente projeto PL 490. Aos companheiros valorosos que estão encaminhando o processo eleitoral, muita força e muita garra para deixar tudo pronto para amanhã dia 05/12. Nós , da Comissão Central estaremos rodando nos carros acompanhando as escolas que estão em processo mais críticos. Meu telefone está na relação que foi enviado para as escolas, junto ao Kit que cada escola recebeu na Reunião que ocorreu na Semed. Valorize seu Voto, Vote em um projeto de Gestão Transparente. ! Boa Sorte a Todos!!! Joyce Rebelo

    ResponderExcluir
  6. Sabemos que a luta sempre estará travada se os servidores estiverem conscientes de seu papel e da força que tens. E mais, unidos de consciencia sabendo o que realmente está revindicando é necessario.
    Parabens servidores.

    ResponderExcluir

O blogger não publicará postagens anônimas de cunho ofensivo a pessoas físicas. E também não adianta querer detonar o SINTEPP.