sábado, 26 de outubro de 2013

NOTÍCIAS SOBRE A GREVE ESTADUAL

ASSEMBLEIA EM FRENTE AO SEDUCÃO

Aos companheiros e companheiras da Rede Estadual,

O SINTEPP Subsede Marabá está desde quinta-feira reforçando o movimento da categoria na cidade de Belém. Nosso objetivo aqui é mostrar que o interior está engajado nessa luta. Mostrar para o governo Si
mão Jatene, o inimigo da educação, que a revolta contra ele é generalizada em todo estado do Pará, que a greve não acontece somente na capital, mas em todo estado.
Nosso movimento já está dando resultado, pois o governo teve que recuar em sua decisão de só negociar com a categoria se houvesse o fim da greve. Querendo ele com esse discurso nos enganar mais uma vez, com a promessa de negociação futura. No entanto, a categoria se manteve organizada, ocupando o prédio da Seduc, sendo repelida e desrespeitada pela força opressora da polícia que age a mando do governo. O spray de pimenta que nossos companheiros receberam na cara, foi o estopim para trazer toda a indignação pública contra o governo do Simão Jatene, que se arma com decisões e opiniões de promotores e juízes vendidos para tentar intimidar o categoria. Todavia, Jatene e sua escudeira, Alice Viana, já perceberam que essa estratégia não vai funcionar contra os trabalhadores da educação, resolutos na defesa de seus direitos.
Jatene dobrou as pernas e se ajoelhou voltando a negociar, alguns pontos já foram acertados e outros referentes a hora-atividade estão postos na mesa. Por isso em assembleia realizada, sexta-feira, dia 25, a categoria decidiu pela desocupação do prédio da Seduc; porém isso não significa o fim da greve. Terça-feira haverá grande assembleia onde o comando de greve apresentará as os avanços da negociação com o governo.
Portando, solicitamos aos companheiros se manterem com o mesmo espírito aguerrido para o embate, prontos para resistir por quanto tempo for preciso, a fim de que possamos garantir nossos direitos. 

Educadores de vários municípios acamparam em frente e dentro da SEDUC

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

O blogger não publicará postagens anônimas de cunho ofensivo a pessoas físicas. E também não adianta querer detonar o SINTEPP.