quinta-feira, 16 de maio de 2013

CATEGORIA MOBILIZADA MOSTRA FORÇA



 Mais uma vez ficou claro que a categoria mobilizada faz a diferença no enfrentamento com o governo. Nesses dois dias, 07 e 08/05, que tivemos mobilizados, em frente à Semad, defendendo os  nossos direitos, conseguimos resultados imediatos como a garantia do pagamento das horas extras que foram descontadas do pessoal de apoio. Além disso, mostramos que a categoria não tolera mais nenhum “erro” da gestão que venha prejudicar o trabalhador.

PONTOS QUE FICARAM DEFINIDOS:

·        Horas-extras: todos os servidores que tiveram horas-extras cortadas receberam em folha suplementar;
·         Audiência Pública: O Sintepp garantiu que seja realizada uma audiência pública com o prefeito, a equipe da Secretaria de Educação e todos os servidores, no dia 22/05/2013, na qual o governo deverá ratificar (confirmar) os compromissos assumidos com a categoria (essa audiência será convocada pelo governo);
·        Pagamento do Piso Salarial Nacional em junho com retroativo ao mês de janeiro/2013;
·        Pagamento do Interstício de Avaliação de desempenho de 5% para os servidores que tem direito com retroativo ao mês de janeiro/2013;
·        Concessão da progressão de nível para os servidores que entraram com pedido, retroativo a data do protocolo;
·        Recuo das propostas da SEMED apresentadas pelo secretário que prejudicavam os servidores;
·        Eleição definitiva para diretor de escola, a ser discutida com a categoria na audiência do dia 22/05.
·        Pagamento do Vale alimentação junto com o pagamento no contracheque;
·        Faltas dos dias do movimento: como no primeiro dia estava acontecendo formação, a Semed deverá marcar uma formação extra; o segundo dia deverá ser reposto pelos servidores.
·        Carta Compromisso, o governo se comprometeu em discutir a carta compromisso assinada por ele, quando candidato, em favor da categoria.

A COORDENAÇÃO

Reações:

Um comentário:

  1. Ok! Até que concordo com as conquistas até o presente momento, mas essa questão do visa vale voltar a ser pago no contracheque, não sou de acordo, e falo por mim e muitos colegas, estava ruim por causa do atraso, mas agora que está sendo pago em dia, não tem o porque de voltar a ser pago na folha de pagamento!

    ResponderExcluir

O blogger não publicará postagens anônimas de cunho ofensivo a pessoas físicas. E também não adianta querer detonar o SINTEPP.